Friday, September 11, 2009

Todo Dia

hoje foi mais um dia,
mais um apenas.
um dia que sofri
todas as horas,
do qual fui vitima,
no qual perdi de mim mais um pouco
porque o tempo é cruel
e passa e nos envelhece
até quando sorrimos.
o tempo é como a cobra
que nunca anda para trás
e espera seu momento único
de dar um salto
em nossa garganta nua
e morde fundo
e deixa marcas,
cicatrizes que não se curam.
hoje foi mais um dia
mais um apenas
e eu já não sei se sou
o que fui um dia e assim
são os dias
que passam
e me deixam assim.

1 comment:

Fernanda - menina descalça said...

Olá Rogério !!!

"o tempo é como a cobra
que nunca anda para trás
e espera seu momento único
de dar um salto
em nossa garganta nua
e morde fundo
e deixa marcas,
cicatrizes que não se curam."


O Tempo é mesmo cruel...
mas nos ensina aceitar a dor ...

Muito bom !!! Adorei !!!

Beijos
FER